28 de dez de 2008

Sobre inícios e fins


" Uma história não tem princípio nem fim: arbitrariamente, escolhe-se o momento vivido de onde se deve olhar para trás ou para frente. Eu digo "escolhe-se" com o orgulho de um escritor profissional que tem sido elogiado - quando observado com seriedade- pela sua habilidade técnica, mas será que, de fato, escolho aquela noite escura e úmida de janeiro no Common, em 1946, a figura de Henry Miles atravessando, inclinada, o grande rio de chuva, ou essas imagens que me escolhem?"

Graham Greene



O maior desafio do escritor é saber a hora de abandonar o passado. E, mesmo compreendendo que a literatura sempre demandará muito da menina que fui, escolho olhar para frente. Consinto o futuro, aceito os riscos da minha própria condição. Mudo de postura: passo a acreditar no humano. Somente desta forma, não terei como duvidar de mim. Fecho o Vestígios em 2008 com o início do extraordinário romance Fim de caso. Sim, finalizo com um início. Talvez, em 2009, comece com um fim. Eu e a Senhorita B. desejamos para vocês tudo de melhor para esse ano que gostamos de pensar que se inicia. Eu e a Senhorita B. desejamos tudo de melhor para vocês nesse ano que gostamos de pensar que está sendo finalizado. Voltamos no final de janeiro. Desta vez, espero que de mãos dadas.

22 comentários:

Mayrant Gallo disse...

Maravilha, Renata! Excelente escolha de Greene e muito bom também o seu texto. De resto, os homens inventaram o calendário, entre outras coisas, para se permitir essa possibilidade de fechar e abrir temporadas... Um ótimo 2009 para você! Meu abraço, Mayrant.

Jana disse...

E isso merece um brinde!
Tin tin?

Abraços e felicidades!
:)

Chorik disse...

Feliz férias, um 2009 surpreendente! E obrigado pelo carinho. Bj

anjobaldio disse...

Muita criatividade para você em 2009. Grande abraço.

Clara Mazini disse...

Também gosto de pensar em inícios...
Já já chega um, com todas as suas surpresas...

aeronauta disse...

Oi, Renata, bom término de ano com esse livro inesquecível! E que 2009 possa lhe trazer mais e mais vestígios!

Glauce / Jequié - BA disse...

Oi Renata também finalizo meu ano com um início. É o início de uma apreciação mais completa dos contos de uma nova escritora em minha vida.
Recebi ontem o seu livro e já vou começar a ler. Muito obrigada por me proporcionar este presente.
Feliz em te conhecer!
Sucesso pra vc este ano de 2009!!!

Renata Belmonte disse...

Que bom, Glauce! Fico feliz em saber!
Beijos,
Renata

Marcus Gusmão disse...

Voltem sempre!

Bernardo Guimarães disse...

vamos sentir falta tanto tempo...
aproveite bem e volte com o mesmo talento de sempre.
bj.

Luli Facciolla disse...

Renatinha e Senhorita B!
Venham, em 2009, com tudo! Mãos dadas, braços unidos, cabeças sintonizadas!

Um reveillon lindo pra vc!
Um (re)começo tranquilo...

Feliz 2009!!!

Beijos

Eliana Mara Chiossi disse...

Rê,

ainda estou me ajustando... um certo freio, sabe, com relação ao dia de amanhã. Esta passagem, estoua adiando no coração mas o corpo já dá sinais: de dúvida, de exaltação, de sofreguidão, de vontades.
Penso na publicação do primeiro livro como primeira meta, dá medo, vertigem mesmo.
Gosto da tua escrita (ainda estou buscando teus livros!!!) e gosto desta rede afetuosa que compomos.
Feliz 2009 de escritas águas vivas e postagens cintilantes!

Beijinhos!

Eliana Mara Chiossi disse...

Rê:

estou relendo "se um viajante numa noite de inverno". Uma aula híbrida e cheia de humor fino sobre a escrita e sobre a escrita de um romance.

(como eu faço para ter seus livros???)

Kátia Borges disse...

Renata, um 2009 de paz e saúde, com muita coisa bacana rolando na vida e na literatura. Um beijo enorme pra você, querida.

Renata Belmonte disse...

Muito obrigada para todos. Recebam meu carinho neste novo ano.
Beijos,
Renata

Ricardo disse...

ótimo ano novo!
com muita Literatura

Anônimo disse...

Olá,Renata,
Desejo a você um ano repleto de,
Luz,Amor,Saúde e Prosperidade.
Que seja um ano muito iluminado e repleto de realizações.
UM FELIZ 2009.para você.
greice.

Lidi disse...

Um ótimo 2009 pra você, Renata. Que venha com muita saúde, paz, amor, fé, prosperidade e... literatura, muita literatura!

Personagem Principal disse...

Rênateeeeeeeeee, feliz ano novo pra vc tb! Desejo a vc o mesmo que meu pai me desejou ontem: que 2009 seja um ano de colheitas. Que aquelas sementinhas que vc plantou lá atrás dêem bons frutos agora...

Só vi sua msg hj. Me ligue pra a gente combinar, se ainda estiver aqui. Beijão.

Imcompreendida disse...

Feliz Ano Novo, cheio de realizações e inspiração...

Um abraço,

Juan Trasmonte disse...

Feliz ano novo, Renata, cheio de artes, pães e alegrias
bjs

Glauce / Jequié - BA disse...

O que não pode ser.
Simplesmente, muito bom!!!