6 de set de 2007

Quem disse que eu me mudei?


Não importa que a tenham demolido:
A gente continua morando na velha casa
[em que nasceu.

Mário Quintana



Volto de viagem direto para o Vestígios. Esta casa, nossa casa, minha casa.
(Post em homenagem a Fernanda Garibaldi, leitora querida, que trouxe poesia para essa minha volta)

7 comentários:

Luíza disse...

Bem vida! haha

fez falta neses poucos dias.
Acessa aí Renata:

www.revista7.com.br

espero que aprecie.

Beijos da leitora assídua
luiza

O Sibarita disse...

Ai meu Jesus! Ela voltou, ô voltou foi fia? kkk Então, tá com todo gás, agora, é só jogar as cajás! kkkk

Ô meu deu! kkk Que bom a sua leitora tenha lhe trazido poesias, hummmm quero ver viu dona moça? kkk

Oi eu também tava fora, mas, a trabalho viu? Tô é lenhado! kkk Nunca vi tanto trampo na minha vida não quer dar uma ajudinha não? - Ah não? kkkkkkk

bjs
O Sibarita

fernanda garibaldi disse...

Renata!

Nem acreditei neste post! to me sentindo super importante!hehehe..
Lembrei muito de você esses dias.To começando um projeto de pesquisa na Ufba sobre Linguagem e Direito.
Na verdade, o projeto não é muito jurídico (a não ser no campo hermenêutico-ainda bem!hehe).
Trata-se de investigar (e,em parte,desconstruir ) o discurso jurídico ofical que nós temos.Aquela visão reducionista de que o direito é apenas descrição dos códigos e regulador das condutas humanas..Pra isso, quero falar de literatura, música, história, pintura, senso-comum...Todas as coisas que a gente vai esquecendo dentro de um ensino dogmático.
Enfim, ainda lembrei de você,de novo, lendo um texto de María Zambrano chamado "Por que se escreve?". Muito lindo,preciso e lúcido. Se vc se interessar eu mando pro seu email..
No mais, tô feliz que vc tenha gostado do "pequeno" Quintana.
Sempre que leio algo denso (Heidegger,Nietzsche...) ou até depois que saio da análise, é ele quem salva meu dia!! hehehe..
Foi simples, mas tenha a certeza que foi escolhido com muito carinho ;)
Beijo,Beijo.

aeronauta disse...

Que bom que voc� voltou... Tamb�m j� estava com saudades...

Kátia Borges disse...

Oi, Renata, leitores a postos. Bjs

O. disse...

Se Quintana não fosse poeta, seria santo!

Renata Belmonte disse...

Obrigada a todos!
Beijos,
Renata