29 de dez de 2007

Sumário de desejos


O que quero em 2008? Ser melhor comigo mesma. Não ficar tão tensa com as coisas, me irritar menos com as pessoas. Não reprimir meus sentimentos ruins e bons, entrar na Yoga, encontrar uma forma bacana de ganhar dinheiro, sentir menos culpa de ser quem sou e ter posturas mais corajosas diante das dificuldades. Mas, principalmente, o que mais desejo é me tornar ainda mais otimista. Ter fé no mundo é a melhor sensação que alguém pode experimentar. Dia 31, após os fogos de artifício, quero continuar vendo tudo colorido. Ou, pelo menos, mais iluminado. Pois de uma coisa tenho certeza: as estrelas, nas minhas constantes noites insones, não irão me abandonar.

9 comentários:

Críticas Criticáveis disse...

Faço suas as minhas palavras só trocando o Yoga pelo Surf!

aeronauta disse...

Invista no yoga, Renata; foi o que melhor fiz em 2007. Abraços, e boa virada de ano.

Palavras e co-lirius disse...

Oi, minha nobre poetisa! Mil desculpas por não ter respondido...Que feio de minha parte!!! Recebi sim, porém não voltei aqui para te agradecer porque viajei para Valença(terra natal) e aqui não tenho net. Agora mesmo estou numa lan house. Quero enviar meus agradecimentos pelo correios (agradecer pelos correios parece brega, mas prefiro assim).
Obrigadão pela pérola, lí o primeiro conto e já estou preso ao livro, suas narrativas têm esse poder.
Um belo 2008 para você e toda sua família.bjão

ronaldo braga disse...

ter fé no metodo, ter fé no veneno, ter fé até na fé e saber que eu sou apenas uma fé.
a vida uma possivel ilusão, por isso precisamos de firmesa, de metodos. a vida é uma eterna areia movediça, por isso precisamos de planos firmes, por que se ficarmos pra mais tarde teremos a nossa ponte pelo menos em construção.
visite o meu blog, eu te ofereço um texto, " o nada repleto de nadas" meu tá no blog:
ronaldobragas.blogspot.com

O Sibarita disse...

Oi sua menina retada! Adorei seu texto, é isso ai sim! Temos que mentalizar as coisas boas e sermos determinados.

Sabe a melhor coisa que vi em seu texto é a sua humildade em querer ser uma pessoa melhor, todos nós, deveriamos pensar assim, isso é a chamada reforma íntima constante, tomemos por exemplo Paulo de Tarso, já leu Paulo e Estevão de Chico Xavier pelo Espírito Emmanuel?

Seu amigo aqui é Espírita Kardecista de muitos anos e trabalha na Seaara do Mestre Jesus nos Centros Paulo e Estevão na Rua das Umbaranas em Amaralina e no Feis-Fraternidade Espírita Irmã Scheilla na rua das Rosas na Pituba.

Confesso! Emocionei-me com seu texto, pela humildade e pela bondade que você trás dentro do coração e, tão somente por isso lhe disse que sou Espírita.

Não importa que você não seja ou não simpatize, mas, o importante é essa luz que você tem, está no seu olhar, a boniteza, não está no externo, está sim, dentro de nós que é exteriorizada através dos nossso atos, atitudes, bondade, humildade, reconhecimento e o desejo sempre de se melhorar. PARABÉNS!

Olhe li seu livro, contos rápidos e caceteiros que envolve do ínicio ao fim, você é a tal, ouro em pó, faça fé!

Como você escreve fácil, heim? Obrigado mais uma vez pelo livro, hummmm... demais!

Desculpe vir somente hoje, eu estava fora trabalhando.

PARA VOCÊ E AOS SEUS FAMÍLIARES UM 2008 CHEIO DE REALIZAÇÕES, COM MUITA FÉ, MUITA ESPERANÇA, MUITA PAZ, MUITA COMPREENSÃO E MUITA BONDADE.

Feliz 2008!

bjs
O Sibarita

Rafael Guedes disse...

O que quero em 2008? Ser melhor com os outros que é o único meio de ser melhor comigo mesmo. Aprender a usar a tensão com as coisas, natural a qualquer ser humano, de forma construtiva e produtiva, aprender a nunca deixar que a minha irritação banal com as pessoas me faça desistir delas. Manifestar meus sentimentos bons e aprender a converter os ruins em bons para o benefício próprio e alheio, continuar na Yoga, encontrar uma forma digna de ganhar dinheiro sempre tendo em mente que ao ganhá-lo, por mais que o tenha, nada melhor do que saber utilizá-lo em favor do próximo e não em coisas supérfluas, não sentir culpa de ser quem sou, pois a culpa me faz crescer e evoluir como ser humano e ter posturas mais corajosas, principalmente, diante das dificuldades. Mas, principalmente, o que mais desejo é nunca permitir que nada ou ninguém me faça perder o mínimo que seja do meu otimismo. Ter fé nas pessoas é a melhor sensação que alguém pode experimentar e a maior garantia de que o mundo irá sempre melhorar. Dia 31, após os fogos de artifício, quero que as pessoas continuem vendo tudo colorido. Ou, pelo menos, mais iluminado. Pois de uma coisa tenho certeza:
as pessoas que amo, nas minhas constantes noites insones, sempre estarão comigo para me fazer companhia.

Renata Belmonte disse...

Obrigada pela visita, Rafael! E que Deus diga sim para esses nossos desejos em 2008!
Bjs,
Renata

Rafael Guedes disse...

Eu é que lhe agradeço, Renata! Por me dar a maravilhosa oportunidade de refletir e contribuir com o seu fantástico blog e deixar aqui também o meu desejo para este ano que, com certeza, com o nosso otimismo, tem tudo para ser mais um grande ano e que nós consigamos satisfazer todos os nossos sonhos, desejos e expectativas e encontrar uma pessoa que nos complete para sempre nos fazer companhia nas nossas constantes noites insones!
E que Deus efetive os nossos desejos em 2008, cabendo a nós fazermos a nossa parte!
Bjs,
Rafael (rafael.rmadvogados@gmail.com)

katherine funke disse...

adorei suas resoluções. yoga é demais. vá fundo.