11 de ago de 2007

Dos começos perdidos

"Todo amor tem seu instante inaugural, seu big bang particular, que é, por definição, um começo perdido, do qual os amantes, por mais perspicazes que sejam, nunca são contemporâneos. Não há amante que não seja, na verdade, o herdeiro tardio de um instante de amor que nunca verá, capturado que ficou, e para sempre, no breu de sua aparição"

Trecho de O Passado, romance do escritor Alan Pauls. O grande responsável por este blog ter se tornado passado nestes últimos esses dias...

6 comentários:

aeronauta disse...

Que bom ter amigos do outro mundo... Abração.

O Sibarita disse...

Xiiiiiiiiiiiii... kkkkk perdeu o encanto foi fia? Ah perca não!

Agora o que Alan Pauls fala com certeza é verdadeiro, faça fé!

Dona moça volte a escrever viu? Ai meu Jesus dá inspiração a essa menina! kkkk

bjs
O Sibarita

Luíza disse...

Concordo..
senhor dê inspiração a Renata, a escritora mais legal que eu conheci nestes últimos tempos
\o/


beijinn

Renata Belmonte disse...

Calma, amigos! O blog n�o acabou n�o! Apenas atualizei pouco nesta semana!
Beijos para voc�s!

Personagem Principal disse...

Ele disse como acaba? Bjs.

Anônimo disse...

Aguarde: "O Passado", o filme, como direção de Hector Babenco,tem estréia marcada para 26 de outubro. Aquele abraço e parabéns. Thiago.